Faça o seu comentário

:

:







Comentários

avatar
sol em 01 de maio de 2015 às 10:42:23»
É perturbador mas ainda assim não conseguiria me tornar vegana.
Continuarei sendo onívora com grande tendência à porção "carnista".

Acho que qualquer dieta tem vantagens e desvantagens e também que há organismos que se adaptam melhor a uma do que a outra.
Um exemplo é uma colega de trabalho vegana por exigência do próprio organismo que tem dificuldade em digerir carne, que já se acostumou com a dieta mas precisa regularmente tomar umas injeções de B12 para não passar mal.

A opção por essa dieta me parece mais moral, ética, ecológica, claro, e pq o uso de conservantes, hormônios e sei lá mais o quê de químicas é grande e nada saudável.

Só que quando fico sozinha em casa no domingo o meu almoço, na maioria das vezes, é uma suculenta fatia de picanha grelhada na chapa com pão.
É um prazer.

Não dispenso também uma bisteca ou costelinha de porco, uma coxa de frango bem fritinha ou assada, bacon...
Isso! Não adianta.
Bacon no feijão é um pedacinho de felicidade que eu deixo pro final do almoço como forma de terminar com chave de ouro essa refeição.

Um bolo de carne moída com recheio de queijo, presunto, ervilha, milho, etc. e bacon!
Poxa...boa ideia pro almoço de hoje.